Injeção Eletrônica, o coração do seu carro !

A injeção eletrônica é responsável por fazer a mistura de ar e combustível, e é um sistema inteligente que determina de quanto em quanto tempo os bicos injetores alimentarão o motor com combustível.

 

A injeção eletrônica foi criada para substituir o carburador e diminuir a emissão de gases poluentes. O sistema permite um controle mais eficaz da mistura ar/combustível, proporcionando economia no combustível e melhor desempenho do motor.

 

 

Se liga nas dicas do Fernando . . .

 

Revisão de peças periféricas

A revisão periódica do sistema é importante, devido à complexidade das suas peças. Ficar atento ao funcionamento correto de componentes periféricos como velas e cabos ajudará a evitar problemas com peças mais caras, os sensores e central eletrônica.

 

Sinais de problemas na injeção

Quando o sistema de injeção começa a apresentar problemas, os sinais são logo percebidos pelo motorista. O carro passa a apresentar perda de rendimento no motor, a marcha lenta funciona com irregularidades e a potência do veículo diminui.

 

Prevenção e Manutenção da injeção eletrônica

Para prevenir que ocorram estes problemas com o seu veículo, fique atento ao prazo de revisão do manual do proprietário. Lá você encontrará o prazo para limpeza de bicos injetores, velas, válvulas e a durabilidade dos filtros de combustível.

 

Limpeza dos Bicos

Os injetores devem ser limpos a cada 30 mil km para retirada de sujeiras e resíduos de combustível, que podem provocar o entupimento dos bicos, prejudicando o seu funcionamento.

 

Porque escolher uma oficina especializada

Quando for fazer a revisão, escolha uma oficina especializada em injeção eletrônica com profissionais habilitados para este tipo de serviço. Os componentes eletrônicos da injeção, devido à sua complexidade, demandam conhecimentos técnicos específicos.

 

 

Compartilhe no Facebook
Please reload

Produzido por Criativa - Gestão empresaria

Diretos Reservados para © fernandopneus.com.br - 2016